Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

Ser no mundo sinal de amor

Olá....

Nós somos a Diana Leal e a Ana Melo!!!

Vimos falar-vos da importância de sermos sinal de amor no mundo, um desafio lançado pelo professor de EMRC.

Para conseguirmos um mundo melhor podemos ajudar todas as pessoas espalhadas pelo mundo que necessitam de amor ou carinho, vestuário, alimentos, material escolar outros bens de primeira necessidade.

Podemos também ajudar as pessoas que estão mais próximas de nós, os nossos amigos, a nossa família ou os nossos colegas da escola. Nas aulas podemos ajudar os nossos amigos que têm mais dificuldades, respeitar os professores e colegas para que os nossos pais se orgulhem de nós.

 

Alunos do 6ºC da Escola de Nevogilde

publicado por miguelamori às 09:39

link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De filipe a 28 de Outubro de 2008 às 12:26
está fixe
De filipe a 28 de Outubro de 2008 às 12:29
altamente
De Anónimo a 28 de Outubro de 2008 às 22:44
:-) sermos solidários
:-) honestidade
:-) ser amigo de todos
:-) não agredir ninguém
:-) ser humilde


NEIZA MARQUES Nº.22 6º.E
De Amori nº0121 7ºB a 4 de Novembro de 2008 às 10:24
Sem amigos não existe vida...
De Maria nº20 6ºE a 4 de Novembro de 2008 às 10:34
Nós podemos ser sinal de amor no mundo ajudando todos os que nos rodeiam e principalmente os que já nos ajudaram a nós po exemplo os nossos pais.
Devemos ajudar os velhinhos sempre que eles precisarem, levar-lhes coisas muito pesadas e da-lhes indicações quando eles estão perdidos.
Mas não só devemos ajudar as pessoas da nossa família podemos ajudar as crianças que o seu país está em guerra contribuído nas campanhas de solideriedade.
Na escola devemos ser honestos com os professores e principalmente não agredir os colegas.
De ana pacheco a 4 de Novembro de 2008 às 12:42
Devemos ajudar todos os que nos rodeiam; darmo-nos todos bem; ajudar e criar campanhas de solidariedade; ser honestos e humildes.

Ana Pacheco nº1
Vania Nunes nº28
6ºE
De Jéssica Moreira nº12 6ºE a 15 de Novembro de 2008 às 21:21
Era uma vez, um casal de namorados, que pouco tempo depois de viverem muitos anos juntos decidiram casar-se. Eles dois tinham nomes muito bonitos, ele era João e ela era Rute. Tês dias antes de se casarem , A Rute estava a fazer o plano do casamento, ou seja, como ia ser. O João não podia lá estar, porque estava a trabalhar e chegava a casa muito tarde, por isso ela decidiu então, apressar as coisas. Naquele dia ela antes de jantar, já tinha as coisas todas planeadas. onde ia ser o copo de água, a que horas, em que dia, onde é que se iam casar e essas coisas todas. parou então, e foi fazer o jantar para ela e entretanto o seu namorado chegou, e ela comentou: - Hoje chegaste, mais cedo do que o costume! -dizia a Rute. João não hesitou e logo disse: -Não tivemos, muito para fazer, por isso o meu patrão, mandou-nos embora mais cedo. Mas não ficas-te contente? -perguntou então o João. - Claro que estou. Põe se faz favor a mesa e senta-te pois o comer já está quase pronto. No dia seguinte, ela foi buscar o seu vestido de noiva e o fato do João. o dia já passou e tinha chegado o dia do casamento deles. Estavam os dois muito nervosos, mas depois acalmaram. Passaram-se dois meses, desde aquele dia tão especial para eles. Era quase o dia de aniversário da Rute e o João decidiu, então comprar-lhe um presente. Mas, por causa desse presente, houve uma discussão entre eles os dois. Rute convidou os pais dela e os pais dele. Ele ao principio gostou da ideia dos seus pais virem, mas depois começou a resmungar com a Rute , por não terem dinheiro suficiente, para comprar muita coisa. A Rute insistiu e João ameaçou-a de morte, apontando-lhe uma arma a cabeça. Nesse instante João, disse: -Se eu não quiser que ninguém venha, tu só tens que me obedecer , estás a ouvir? -dizia o João zangado. Eu faço o que eu quiser, tu não mandas em mim, ouvis-te!!! -disse Rute muito nervosa. De repente... pum !!! Ouviu-se um tiro e Rute estava no chão. Os vizinhos ouviram e chamaram a polícia e a ambulância. A Rute foi assassinada e João foi preso. No dia seguinte foi o funeral de Rute, estavam lá todos os seus parentes mais próximos, amigos e até a família de João. Por falar em João ele foi preso sob pena de prisão perpétua.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.links

.arquivos

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Janeiro 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Janeiro 2014

. Maio 2012

. Dezembro 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.Novembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. É já amanhã

. Pela solidariedade

. Jornadas das Vocações

. Normas de evacuação de ed...

. Símbolo do Clube Proteção...

. Clube Proteção Civil

. concurso Postais de Natal

. II Concurso de Fotografia

. FEIRA DE SÃO MARINHO: um ...

. novo símbolo EMRC Sernanc...

blogs SAPO

.subscrever feeds